Ajuda

O Livro

A oração de Neemias

1 Autobiografia de Neemias, filho de Hacalias: Em Dezembro do ano vinte do reinado de Artaxerxes, rei da Pérsia, quando me encontrava no palácio real em Susã, um dos meus amigos judeus chamado Hanani veio ver-me, acompanhado de alguns homens chegados de Judá. Aproveitei a oportunidade para saber como iam as coisas em Jerusalém.
2 "Como passam então os judeus que regressaram a Jerusalém do exílio daqui?", perguntei-lhes.
3 "Bom, as coisas não vão indo bem. O muro de Jerusalém ainda não está reconstruído; as portas mantêm-se queimadas."
4 Ouvindo isto, sentei-me e chorei. Recusei comer durante vários dias e passei muito tempo orando ao Deus dos céus.
5 "Ó Senhor Deus", clamei. "Ó grande e tremendo Deus que te manténs fiel às tuas promessas, e que és bom e misericordioso para com os que te amam e obedecem!
6-7 Ouve a minha oração! Escuta cuidadosamente o que tenho para te dizer! Vê, peço, como oro noite e dia pelo teu povo de Israel. Confesso que pecámos contra ti. Sim, eu e o meu povo cometemos o grave pecado de não obedecer aos mandamentos que nos deste através do teu servo Moisés.
8-9 Lembra-te, peço-te, daquilo que disseste a Moisés: 'Se pecarem, espalhar-vos-ei entre as nações. Mas se se voltarem para mim e obedecerem às minhas leis, ainda que se encontrem exilados nos mais longíquos pontos da Terra, vos farei voltar para Jerusalém. Pois Jerusalém é o local que escolhi para me fazer representar.'
10 Somos teus servos, o povo que resgataste pelo teu grande poder.
11 Senhor, peço-te que ouças a minha oração! Atenta às orações dos que têm prazer em te honrar. Ajuda-me agora, que vou pedir ao rei um grande favor - faz com que no seu coração se incline a ser benévolo para comigo."(Nesse tempo eu era quem servia as bebidas ao rei.)
© 2018 ERF Medien