Ajuda

O Livro

Pedro cura o mendigo coxo

1 Certa tarde, Pedro e João foram ao templo para a oração, às três horas da tarde
2 E viram um homem coxo de nascença transportado por outros para ser deixado junto de uma porta do templo, chamada porta Formosa, como acontecia todos os dias, para pedir esmola.
3 Quando Pedro e João iam a passar, o homem pediu-lhes esmola.
4 Eles olharam-no com atenção e Pedro, por fim, disse: "Olha para nós!"-
5 O coxo fitou-os na esperança da esmola,
6 mas Pedro continuou: "Não tenho dinheiro para te dar! Mas aquilo que tenho te dou: em nome de Jesus Cristo de Nazaré, levanta-te e anda!"
7-8 E, pegando no coxo pela mão direita, ajudou-o a levantar-se. Ao fazê-lo, os ossos dos pés e artelhos fortaleceram-se. Erguendo-se de um salto, ficando de pé, o homem começou a caminhar! Andando, saltando e dando louvores a Deus, entrou no templo com eles.
9-10 Quando o povo o viu andar, o ouviu louvar Deus, e se apercebeu de que era o mesmo pedinte coxo que tantas vezes encontravam na porta Formosa, a surpresa foi enorme
11 Todos correram ao Alpendre de Salomão, onde se conservava junto de Pedro e João, e não houve quem não ficasse pasmado com aquela coisa maravilhosa que acontecera.

Pedro discursa no templo

12 Aproveitando a oportunidade, Pedro dirigiu-se à multidão: "Homens de Israel, que tem isto assim de tão espantoso? E porque nos olham como se tivéssemos sido nós que, pelo nosso poder e santidade, tivéssemos feito com que este homem andasse?
13 Foi o Deus de Abraão, de Isaque, de Jacob e de todos os nossos antepassados quem trouxe glória ao seu servo Jesus através deste acto. Estou a falar daquele a quem rejeitaram perante Pilatos, apesar de este ter decidido pô-lo em liberdade
14 Mas vocês não o queriam liberto, esse homem santo e justo; em vez disso, pediram que fosse solto um assassino.
15 Mataram o autor da vida, mas Deus o ressuscitou. Somos testemunhas disso!
16 Foi o nome de Jesus que curou este homem, e sabem como ele dantes era coxo. A fé no nome de Jesus, fé que nos vem de Deus, é que produziu esta cura perfeita.
17-18 Irmãos, compreendo que o que fizeram a Jesus foi por ignorância, e o mesmo se pode dizer dos vossos dirigentes. Mas Deus estava a dar cumprimento às profecias segundo as quais o Messias teria de padecer todas estas coisas.?
19-20 Agora, porém, arrependam-se e voltem-se para ele, para que vos purifique dos vossos pecados e vos mande tempos de renovação pela presença do Senhor, e para que vos envie outra vez Jesus Cristo.
21 Porque ele deverá continuar no céu até que chegue o tempo de Deus restaurar todas as coisas, de acordo com as profecias dos tempos antigos
22-23 Moisés, por exemplo, disse há muito: 'Deus levantará de entre os vossos irmãos um profeta semelhante a mim! Oiçam tudo o que ele vos disser. Quem não o escutar perecerá, excluído do povo.'
24 Samuel e todos os profetas que lhe sucederam falaram do que está a acontecer hoje
25 Vocês são filhos destes mesmos profetas e estão abrangidos pela promessa que Deus fez aos vossos antepassados, de que todo o mundo será abençoado através do povo israelita; foi esta a promessa que Deus fez a Abraão
26 Quando Deus elegeu o seu servo, enviou-o em primeiro lugar a vocês, homens de Israel, para vos abençoar, desviando-vos dos vossos pecados."
© 2017 ERF Medien