Ajuda

O Livro

David manda fazer um recenseamento

1 A ira do Senhor tornou a acender-se contra Israel; David foi levado a tomar uma decisão que trouxe grave prejuízo para o povo: a de levantar um recenseamento a nível nacional.
2 O rei disse a Joabe, comandante do seu exército: "Faz o recenseamento geral de toda a população, duma ponta à outra da nação, para que se saiba quantos são ao todo."
3 Joabe replicou-lhe: "Deus permita que vivas o bastante para veres este povo multiplicado, neste reino, cem vezes mais do que são agora! Mas que interesse tens tu nesse recenseamento?"
4-7 Contudo a vontade do rei prevaleceu contra a argumentação de Joabe, e este, acompanhado de outros oficiais do exército, começou a tarefa da contagem do povo de Israel. Primeiramente atravessaram o Jordão e instalaram-se em Aroer, ao sul da cidade que fica no meio do vale de Gad, junto de Jazer; depois foram para Gileade, na terra de Tatim-Hodchi, e para Dan-Jaã e para os arredores de Sidom; seguidamente deslocaram-se para a fortaleza de Tiro e para todas as cidades dos heveus e dos cananeus; para sul de Judá, até Berseba.
8-9 Passaram assim pela terra toda, tendo completado a sua missão em nove meses e vinte dias. Joabe trouxe o número total do povo à presença do rei: eram 800.000 homens, com idade de serem recrutados para o exército, em Israel, e 500.000, nas mesmas condições, em Judá.
10 Mas após ter mandado fazer o recenseamento, a consciência de David começou a acusá-lo, e disse ao Senhor: "O que eu fiz foi muito mal. Peço-te que me perdoes esta minha louca transgressão."
11 Na manhã seguinte veio a palavra do Senhor ao profeta Gad, que era através de quem David contactava com Deus. Disse o Senhor a Gad:
12 "Diz a David que lhe dou a possibilidade de escolher entre três alternativas".
13 Gad veio ter com David e perguntou-lhe: "Queres escolher sete anos de fome em toda a terra, ou durante três meses fugires diante dos teus inimigos, ou que haja três dias de praga na terra? Pensa nisto e dá-me depois a resposta, para que a transmita a Deus."
14 "É uma decisão muito difícil de tomar", respondeu David, "mas é melhor cair nas mãos do Senhor, porque grande é a sua misericórdia, do que nas mãos dos homens."
15-16 Então o Senhor enviou uma praga sobre Israel naquela manhã, e que durou três dias; setenta mil homens morreram em toda a nação. Quando o anjo do Senhor se preparava para estender a sua mão sobre Jerusalém, a fim de a destruir, o Senhor decidiu suspender o que estava a acontecer e disse-lhe que parasse. Estava ele sobre a eira de Arauna, o jebuseu, nesse momento.
17 Quando David viu o anjo, disse ao Senhor: "Senhor, vê bem, sou eu o único culpado por ter pecado! Estas ovelhas nada fizeram! Que o teu anjo se volte apenas para mim e para a minha família."

David constrói um altar

18 Nesse dia Gad veio ter com David e disse-lhe: "Constrói um altar ao Senhor na eira de Arauna, o jebuseu."
19-20 David logo obedeceu. Quando Arauna viu o rei mais a sua gente virem na sua direcção, adiantou-se e inclinou-se na sua presença, com o rosto em terra.
21 "Porque vieste aqui?", perguntou Arauna David respondeu: "Para te comprar a eira, e poder construir aí um altar ao Senhor, a fim de que pare esta praga."
22 Arauna disse-lhe: "Usa tudo o que aí está como bem entenderes! Estão aqui bois para o holocausto, podes empregar o carro e os jugos dos bois como madeira para fazer o fogo do altar. Tudo te dou. Assim o Senhor Deus aceite o teu sacrifício."
© 2017 ERF Medien