Ajuda

O Livro

1 Quanto à época e ao momento em que isto acontecerá, irmãos, não preciso de vos escrever a esse respeito.
2 Porque vocês sabem bem que esse grande dia virá inesperadamente, como um ladrão na noite
3 Na verdade, quando as pessoas disserem "Agora há paz e segurança!", então virá sobre elas, de súbito, a catástrofe. Será como quando uma grávida começa sentindo as dores do parto. Não poderão escapar, de forma alguma.
4 Mas vocês, irmãos, já não vivem mais nas trevas, para que venham a ser surpreendidos por esse momento como por um ladrão.
5 Pois são todos filhos da luz, filhos do dia. Não pertencemos mais ao domínio da noite e das trevas.
6 Estejamos então vigilantes, e não adormecidos como o resto das gentes. Estejamos alerta e sejamos sóbrios.
7 Em geral, é de noite que as pessoas dormem e também que se embebedam.
8 Mas nós vivemos na luz do dia; e é por isso que devemos ser moderados, revestindo-nos da couraça da fé e do amor, tendo como capacete a esperança da salvação
9 Deus não nos destina à condenação, mas antes à posse da salvação, através de nosso Senhor Jesus Cristo,c
10 o qual morreu por nós para que, quer estejamos vivos, quer estejamos já mortos, quando ele vier, possamos viver juntamente com ele.
11 Por isso animem-se uns aos outros, contribuindo mutuamente para o fortalecimento da fé; é aliás isso que têm vindo a fazer.

Exortações e votos finais

12 E pedimo-vos, irmãos, que respeitem aqueles que trabalham no vosso meio ao serviço do Senhor, que vos dirigem e vos aconselham.
13 Mostrem-lhes toda a vossa estima e afeição, porque é justo, em razão das funções que desempenham na obra de Deus. Vivam em paz uns com os outros.
14 Admoestem os que são preguiçosos; animem os que se desencorajam facilmente; fortaleçam os que estão fracos; sejam pacientes com todos
15 Que ninguém retribua o mal com o mal. Que o bem seja a regra da vossa vida, não só entre crentes, como para com todos.
16 Conservem em todo momento a vossa alegria
17 Orem sem cessar!
18 Que todas as coisas sejam uma razão de expressarem o vosso reconhecimento a Deus. Esta é a vontade de Deus para convosco, os que vivem em Cristo Jesus.
19 Não entravem a acção do Espírito de Deus.
20 Não desprezem as profecias,
21 mas examinem tudo o que é dito. Guardem o que for bom.
22 Evitem qualquer espécie de mal.
23 E que o Deus de paz, ele próprio, vos torne puros de uma forma integral. E que todo o vosso ser -espírito, alma e corpo- se mantenha plenamente sem culpa, até ao dia em que o nosso Senhor Jesus Cristo voltar
24 Deus, que vos chamou, é fiel. E ele tudo fará por vocês.
25-26 Orem por nós, irmãos. Dêem a todos os crentes um beijo fraterno.
27 Em nome do Senhor vos peço que sem falta façam ler esta carta a todos os crentes, os filhos de Deus.
28 O meu voto é que a graça de nosso Senhor Jesus Cristo seja convosco.
© 2018 ERF Medien