Schließen
BibleServer is a donation based project by ERF Medien. 25 € will help us to secure next years funding.
Ajuda

O Livro

Os novos habitantes de Jerusalém

1 Os governantes israelitas viviam nessa altura em Jerusalém, a santa cidade de Deus; mas um décimo do povo das outras povoações e cidades de Judá e de Benjamim aceitou ser escolhido por sorteio para lá viver também.
2 O povo ficou-lhes grato por esse gesto de boa vontade.
3 Segue-se uma lista dos nomes dos funcionários administrativos que vieram a Jerusalém (ainda que a maioria dos chefes, dos sacerdotes, dos levitas, dos auxiliares do templo e dos descendentes dos funcionários reais de Salomão continuassem a habitar nas suas casas em vários sítios de Judá).
4-6 Chefes da tribo de Judá: Ataías (cujos ascendentes eram, sucessivamente de filho para pai: Uzias, Zacarias, Amarias, Sefatias, Maalalel, descendentes de Perez); Maaséias (cujos ascendentes eram sucessivamente: Baruque, Col-Hoze, Hazaías, Adaías, Joiaribe, Zacarias, Silonite). Ao todo eram 468 estes valentes descendentes de Perez que viviam em Jerusalém.
7-9 Chefes da tribo de Benjamim: Salu (cujos ascendentes eram Mesulão, Joede, Pedaías, Colaías, Maaséias, Itiel, Jesaías). Os 968 descendentes de Salai e da Gabai. O chefe deles era Joel, filho de Zicri, assistido por Judá, filho de Senua.
10-14 Chefes de entre os sacerdotes: Jedaías (filho de Joiaribe), Jaquim, Seraías (cuja ascendência era sucessivamente: Hilquias, Mesulão, Zadoque, Meraiote, Aitube - maioral entre os sacerdotes). Ao todo eram 822 os sacerdotes que faziam o serviço no templo sob a liderança destes homens. Havia também 242 sacerdotes sob as ordens de Adaías (cuja ascendência era: Jeroão, Pelalias, Amzi, Zacarias, Pasur e Malquias). Havia ainda 128 valentes homens sob a conduta de Amassai (cuja ascendência era: Azarel, Azai, Mesilemote, Imer); era assistido por Zabdiel (filho de Gedolim).
15-17 Chefes levitas: Semaías (cuja ascendência era: Hassube, Azricão, Hasabias, Buni); Sabetai e Jozabade, que tinham a seu cargo o trabalho fora do templo; Matanias (filho de Mica, neto de Zabdi, bisneto de Asafe) - era ele quem começava o serviço de oração com agradecimento a Deus; Baquebuquias e Abda (cuja ascendência era assim: Samua, Galal e Jedutum) eram ambos assistentes.
18 Ao todo havia 248 levitas em Jerusalém.
19 Havia também 172 porteiros, chefiados por Acube, Talmom e outros do seu clã.
20-21 Os outros sacerdotes, levitas e demais povo viviam onde as suas famílias tinham herdado propriedades dos antepassados. Contudo os serviçais do templo (cujos chefes eram Zia e Gispa) viviam todos em Ofel.
22-23 O supervisor dos levitas em Jerusalém e dos que serviam no templo era Uzi (cujos ascendentes eram: Bani, Hasabias, Matanias e Mica), um descendente de Asafe, cujo clã se tornou nos cantores do tabernáculo. Fora nomeado pelo rei David, que também estabaleceu a escala de gratificações devidas aos cantores.
24 Petaías (filho de Mesezabel, descendente de Zera, filho de Judá) ocupava-se de todos os assuntos de administração pública.
25-30 Eis algumas das localidades onde vivia o povo de Judá: Quiriate-Arba, Dibom e Jecabzeel - mais as povoações ao redor; Jesua, Molada, Bete-Palete, Hazar-Sual, Berseba e arredores; Ziclague, Mecona e as suas aldeias; En-Rimom, Zora, Jarmute, Zanoa, Adulão e as aldeias ao redor; Laquis, Azeca - mais os lugares e campos à volta. Assim foi que o povo se espalhou de Berseba até ao vale de Hinom.
31-35 O povo da tribo de Benjamim vivia em: Geba, Micmás, Aija, Betel (e as aldeias circunvizinhas), Anatote, Nobe, Ananias, Hazor, Ramá, Gitaim, Hadide, Zeboim, Nebalate, Lode, Ono (o vale do Artífices).
36 Alguns dos levitas que viviam em Judá foram enviadas para viverem com a gente da tribo de Benjamim.
© 2016 ERF Medien