Schließen
BibleServer is a donation based project by ERF Medien. 25 € will help us to secure next years funding.
Ajuda

O Livro

O dia do desastre

1 Ainda noutra ocasião Deus falou-me e me disse:
2-7 Não deverás casar nem ter filhos aqui nesta terra. Porque as crianças que nascerem neste lugar, tal como os seus pais, terão de morrer de terríveis doenças. E ninguém chorará por eles nem enterrará os seus corpos; estes jazerão pelo chão; serão como esterco sobre os campos. Morrerão de guerra e de fome; os seus cadáveres serão levados pelos abutres e pelos animais selvagens. Não os lamentes, nem chores por eles, porque retirei a minha protecção e a minha paz deles - subtraí-lhes a minha compaixão e as minhas misericórdias. Tanto grandes como pequenos morrerão nesta terra, sem serem enterrados, sem serem chorados; ninguém de entre os amigos deles porá sinais de luto, fazendo-se incisões, rapando a cabeça. Ninguém consolará os que choram, dando-lhes comida, ou enviando-lhes um copo de vinho, como expressão do seu pesar pela morte dos parentes deles.
8-9 E também, como sinal desses tristes dias que hão-de vir, não participes nas suas festanças e recepções - nem sequer tomes qualquer refeição com eles. Porque o Senhor dos exércitos celestiais, o Deus de Israel, diz - ainda durante o tempo da tua vida, sob os teus próprios olhos, farei cessar risos e alegria nesta terra - canções alegres, bodas, a felicidade dos que se casam.
10  E quando lhes disseres tudo isto, se eles te perguntarem: "Mas afinal por que razão o Senhor decretou todas estas tão terríveis coisas contra a gente? Que fizemos nós para merecer um tratamento desta natureza? No fim de contas qual é o nosso pecado contra o Senhor nosso Deus?"e
11-12 Diz-lhes então que a resposta do Senhor é esta: Porque os vossos pais me esqueceram e adoraram outros deuses, prestando-lhes culto e servindo-os; não guardaram as minhas leis, e, quanto a vocês mesmo, foram piores até do que os vossos próprios pais, tendo seguido o que era mal segundo as tendências dos vossos corações, recusando ouvir-me.
13 Eis a razão porque vos lançarei para fora desta terra, para uma terra estrangeira, que nem vocês nem os vossos antepassados conheceram antes, e lá, se quiserem, continuarão a adorar os vossos ídolos, pois que quanto a mim não vos concederei os meus favores!
14-15 Mas virá um dia, diz o Senhor, em que o único tema de conversação será o facto de Deus trazer de novo o seu povo para casa, vindo das terras do norte, para onde os tinha mandado. Não se dirá mais, "Vive o Senhor que tirou os filhos de Israel do Egipto!", mas sim, "Vive o Senhor que trouxe o seu povo das terras para onde os tinha lançado, e os fez voltar ao solo dos seus antepassados!"
16-18 Mandarei muitos pescadores para vos apanharem. Depois mandarei muitos caçadores, diz o Senhor, para vos caçarem em toda a montanha, em toda a serra, até nos penhascos inacessíveis, para onde quer que tenham fugido para escapar aos meus olhos. Pois que vigio estreitamente sobre vocês. Não tenham ilusões quanto a esconderem de mim a vossa iniquidade. Castigar-vos-ei duplamente por todos os vossos pecados, pois que não só conspurcaram a terra com esses abomináveis ídolos como também a encheram com toda a espécie de iniquidades.
19-20 Ó Senhor, a minha força e a minha fortaleza, meu refúgio em dias de perturbação, nações em todo o mundo virão dizer-te: "Os nossos pais foram loucos, porque puseram-se indignamente a adorar ídolos e falsidades! Alguma vez os homens podem fazer Deus? É evidente que os deuses que eles fazem não são deuses nenhuns."
21 E quando eles se chegarem a mim nesse espírito, dar-lhes-ei a conhecer o meu poder e a minha força; fá-los-ei pois compreender enfim que só eu sou Deus.
© 2016 ERF Medien