Schließen
BibleServer is a donation based project by ERF Medien. 25 € will help us to secure next years funding.
Ajuda

O Livro

O prometido repouso para o povo de Deus

1 E embora a promessa de Deus, de entrarmos no seu lugar de descanso, continue de pé, devemos ter muito cuidado quando alguns derem mostras de ficar para trás.
2 Porque essas boas novas foram-nos anunciadas também a nós, tal como a eles. Mas se de nada lhes serviu, é porque não creram nelas, quando a ouviram.
3 Quanto a nós, visto que cremos, temos a certeza de entrar no repouso de Deus. Quanto aos que não crêem, o Senhor disse:"Na minha indignação obriguei-me com juramento"a não deixar que entrassem no meu repouso", embora este lugar de repouso esteja pronto desde a criação do mundo.
4 Sabemos isto porque as Escrituras mencionam o sétimo dia, dizendo: "E repousou Deus de todas as suas obras no sétimo dia". 4
5-6 Mas acontece que aqueles a quem foram pregadas as primeiras boas novas não entraram nesse repouso preparado, por causa da sua desobediência; por isso está escrito: "Não entrarão no meu repouso". Contudo, isto dá a entender que ainda haverá alguém que deverá entrar nele.
7 E é assim que fixa outra ocasião para entrar; essa ocasião é hoje. E isto diz Deus, pela boca de David, muito depois: "Hoje, se ouvirem a sua voz,não endureçam os vossos corações".
8 Porque, se esse repouso tivesse sido aquele para onde Josué conduziu o povo de Israel, Deus não teria falado mais tarde numa nova ocasião.
9 Portanto é porque há ainda um repouso para o povo de Deus.
10 Ora quem já entrou no descanso de Deus, também já descansou das suas obras, tal como Deus também das suas.
11 Busquemos então tudo o que é necessário para entrar nesse lugar de descanso. Procuremos que ninguém, à semelhança do povo de Israel, caia na mesma incredulidade que eles.
12 A palavra de Deus é viva e eficaz. É mais penetrante do que uma espada de dois gumes, chegando à distinção da alma e do espírito, como que à junção de osso e medula. Ela é capaz de distinguir os pensamentos, as intenções do coração.
13 Não há nada em toda a criação que esteja escondido aos olhos de Deus; pelo contrário tudo está patente e a descoberto perante aquele a quem temos de prestar contas.

Cristo é o nosso supremo sacerdote

14 Portanto, visto que temos um tão excelente supremo sacerdote, que é Jesus o Filho de Deus, que penetrou nos céus, mantenhamo-nos firmemente fiéis à fé que confessamos ter.
15 Este nosso sacerdote supremo não é um simples homem que não possa compreender as nossas fraquezas. Pelo contrário, ele passou por todas as mesmas provas que nós, mas sem ter pecado.
16 Portanto cheguemo-nos com confiança ao trono de Deus para podermos receber misericórdia e graça, e para sermos ajudados sempre que tivermos necessidade.
© 2016 ERF Medien